oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

1 de julho de 2020

OS CURURUS ESTÃO NO MATO SEM CACHORRO

O barco furado dos cururus está à pique e a lagoa deles está seca!

           Existem algumas expressões populares, que simbolizam circunstâncias difíceis a que pessoas se submetem e estar “no mato sem cachorro”, é o que há de mais pertinente para retratar as péssimas perspectivas do PCdoB eleger vereador, nessas eleições em Itabuna.
O adágio que dá manchete a
este nosso artigo, vem da época das caçadas: o caçador que entrava no mato sem a ajuda de seu cachorro estava no mínimo em apuros. E foi dessa dificuldade que a expressão surgiu, geralmente indicando que determinada situação é “fadada ao fracasso”!
Isto tudo pode ser conjecturado para o resultado eleitoral dos comunistas (cururus), nessas eleições de Itabuna. Embora não queiramos aqui, nos estabelecer como videntes, cartomancistas, adivinhadeiros, ou utopistas de plantão, que os equivalham!
            O PCdoB perdeu mais de 9 mil votos que obtivera nas eleições de 2016, com as desfiliações de Aldenes Meira (1.852), Edinho da Mala (1.064), Rosivaldo Pinheiro (1.000), Fabricio Pancadinha (886), Beto da Sandália (779), Jorge Barbosa (724), Thiago Mendonça (585), Mickey Sem Preconceito (560), Uilson Capenga (285), Chico Bateria (239), Carlos Amendoim (206)  e Maxwel Max (131); com perdas que se somam aos votos de Jairo Araujo (1.138), que deverá ser prefeiturável.
                Como a candidatura de Jairo é tão factível quanto o que foi a votação do cururu Davidson Magalhães, nas eleições de 2016, o que se pode esperar, é que o PCdoB estará extinto do cenário dos poderes executivo e legislativo de Itabuna.
                É fácil perceber neste contexto, que “contra fatos, não há argumentos”!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.