Câmara Itabuna


Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Aniversário de Ilhéus, câmara

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

Prefeitura Ilhéus


12 de dezembro de 2021

SE WAGNER QUISER VENCER ACM NETO, NÃO PODERÁ ESPERAR POR LULA

Wagner terá muita dificuldade para vencer ACM Neto

Pesquisa presencial sobre a sucessão de Rui Costa (PT), divulgada pelo datACerta, com 1002 eleitores, realizada entre os dias 3 e 8 de dezembro, não foi boa para Jaques Wagner. O problema não é a diferença entre ACM Neto (DEM) e o senador petista.

O que preocupa é o fato de que a influência do ex-presidente Lula no processo sucessório não é significativa, como pensavam as lideranças do lulopetismo, mais especificamente da executiva nacional do Partido dos Trabalhadores. O resultado, mesmo associando à pré-candidatura do ex-governador a Lula, foi de 42% versus 32% a favor de Neto.

Da enquete, que é um retrato do momento, amanhã tudo pode ser diferente, podemos tirar a óbvia conclusão de que o sentimento de mudança está sendo mais forte do que Lula como "cabo eleitoral". Com o fim do mandato de Rui Costa, completa-se 16 anos com o PT governando a Boa Terra.

Outro ponto é o voto "luloneto", a grande quantidade de eleitores que vai votar no petista-mor e no ex-gestor soteropolitano. Não à toa que Neto, na medida do possível, vai evitar qualquer tipo de atrito com o ex-presidente. O ex-chefe do Palácio Thomé de Souza vem sendo aconselhado a levar sua campanha sem radicalizar com os adversários.

Os caminhos de Neto e Wagner na busca do cargo mais cobiçado do Poder Executivo da Bahia, que tem também o bolsonarista João Roma como postulante, são diferentes. O senador nacionalizando sua campanha, acreditando que Lula pode virar o jogo, e Neto  estadualizando.

Agora é esperar não só o confronto Neto x Wagner, como o do sentimento de mudança x Lula. Não acredito que Roma, ministro da Cidadania, já de malas prontas para o PL, possa causar alguma fissura na polarização Neto versus Wagner. Por Marcos Wense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.