Máscara

oi

Camara

8 de maio de 2021

NADA DE CONCEITOS FRATERNOS COM EDIS

Para Cláudia, vereadores devem ser serviçais e
fraternos com o que há de pior na história de Eunápolis!

Os "Fraternos" estão insatisfeitos com os vereadores (edis) de Eunápolis, que dizem ter ajudado a eleger, os acusando de estarem mudos, cegos e surdos, para o que eles querem que seja dito e feito contra a prefeita Cordélia Torres (DEM).

O casal de espertalhões, Zé Robério e Cláudia (ambos do PSD), se considera donos dos mandatos dos vereadores e não aceita que eles não sigam suas ordens de usarem a tribuna da Câmara e instrumentos legislativos como Comissão Especial de Inquérito (DEI) e

ações ajuizadas no Ministério Público Estadual (MP-Ba), com propósito de infernizar, sabotar e emperrar o governo da prefeita Democrata.

Os Fraternos não compreendem que os vereadores não podem se submeter ao constrangimento de fazerem e dizerem o que a população não acreditará e agir contra o que não tem como satanizar.

Essa gente acusada de comanda a quadrilha dos Fraternos, que roubou mais de 200 milhões de reais dos cofres públicos municipais, quer que parlamentares eleitos pelo povo, se rebaixem à condição de bonecos de ventríloquos, como é o que acontece com mequetrefes das suas rádios, sobretudo os lacaios e raivosos Aline e Jota!

Assim fica comprovado que esses vereadores são dignos de serem reconhecidos como parlamentares independentes e cujo compadrio é restrito à população que os elegeu. E não locutores amadores, mal remunerados e lacaios de bandidos do colarinho branco, que os fazem relinchar, rosnar e latir, para assegurarem suas vexatórias remunerações, que são inferiores ao que possuem de renda mensal, as profissionais do sexo de Eunápolis!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.