Câmara Itabuna


Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

Prefeitura Ilhéus


3 de janeiro de 2021

OS OBSTÁCULOS SÓ SÃO DIFÍCEIS ATÉ SEREM SUPERADOS!

Nossas habilidades resultarão em superação, evolução e 2021 de empolgação!

Ao longo dos meus 60 anos de idade, nunca tinha vivido tão intensamente a percepção do caos. A pandemia nos fez refletir sobre nossos hábitos, crenças e sonhos. Em isolamento e bombardeados por informações negativas, o caos bateu à nossa porta.

Em algumas culturas, o caos e a crise são considerados oportunidades de transformação. Uma escola dinamarquesa, por exemplo, treina líderes para conviverem com um ambiente caótico.

            No

Brasil, os empreendedores e as empreendedoras navegam no caos desde que se descobrem. E é exatamente neste ponto em que deposito minhas esperanças. Desejo que os empreendedores ocupem cada vez mais posições de liderança.

            Lembrando que empreendedor no sentido exato é mais do que abrir o próprio negócio, é um sentimento e uma ação para transformar algo. É buscar resultados melhores, é não se contentar com a zona de conforto, é focar no impacto e viver numa montanha russa todos os dias.

Um grande desafio para cidades como Itabuna será acertar políticas para gerar, atrair e manter novos talentos. Valorizar mulheres e homens empreendedores, incentivar negócios sociais e locais. Ainda, fomentar o surgimento de negócios sustentáveis ligados à nova economia, incentivar o empreendedorismo feminino e dar acesso a capital é fundamental.

Este novo momento começa pela compreensão de que eles serão os líderes dessa mudança, pois estão acostumados a navegar em ambientes de extrema incerteza. Passa pela aceitação de que a busca não será mais por controle ou gestão, mas por pessoas capazes de fluir com criatividade e empatia.

Para as grandes organizações, encontrar líderes empreendedores será um desafio. Aproximar culturas organizacionais que por anos premiaram a gestão e o crescimento linear, com pensamento exponencial e ágil, será um grande projeto.

Para instituições públicas, será necessário se despir da cultura da punição ao erro, desfazer-se da cultura hierárquica e da estabilidade. Existem inúmeros intraempreendedores nessas estruturas e esse é o começo da caminhada. Encontrar e empoderar os líderes inovadores. Será uma nova era de aprendizado para líderes e empreendedores.

Como sociedade, não nos restam alternativas a não ser mudarmos a rota do barco em que estávamos acreditando navegar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.