oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Camara


23 de janeiro de 2021

A PORCA É SÓRDIDA; LATE, RELINCHA, MAS NÃO MORDE!

Porca em rádio é ativa (não em grunhir), mas em relinchar e latir!

Valores alheios não podem e não devem nos contaminar. Sobretudo se estes valores nos violentam. Isso me disse, dia desses, um amigo muito querido. Mas, como manter a calma com o que se observa em termos de intolerância, quando se trata de uma mulher, bem intencionada, honesta e ética e que, nesses poucos mais de 20 dias, tem trabalhado intensamente para o bem coletivo e arrumar a bagunça herdada de quase 20 anos de judiação e corrupção?

            Alguns podem até dizer: não fez mais do que a obrigação. E eu direi: com certeza. Mas não é o que se habituava ter por aqui. Não mesmo! Cordélia Torres (DEM) está se revelando em

tão pouco tempo, uma gestora dessas que quase não existem mais.

            Essas tentativas de linchamentos vindos de mequetrefes venais da imprensa, além de mascarar as questões que realmente importam, nos dizem muito sobre administrações passadas. Mostram-nos também quais indicadores alguns escolhem para se posicionar. E o que se percebe agora é que a ética miúda não se limita ao pleito, às eleições. Não é uma questão política ou sobre política. Ela parece fazer parte do viver de alguns: poucos, mas deveras covardes.

            Parece que predomina um ódio primitivo contra quem trabalha sério e não se rende a quem se vende. E, com Cordélia Torres, é assim, muito suor e trabalho. Isto é percebido e vivido, já neste início de mês, ano e de sua gestão.

            É covardia essa orgia de injúrias, de falações apelativas, de misoginia, intolerância... Querem apontar o dedo? Então, primeiro, usem suas réguas para medir a si próprios. E, se querem mesmo saber, tantos ataques terão o efeito inverso. Conhecendo-a como conheço sei que, mesmo com muita tristeza por tantas inverdades, Cordélia vai saber transformar tudo isso em mais capacidade ainda para resistir.

            Dignidade, ética e verdade são a sua conduta para Eunápolis e também a demonstração de sua força moral para encarar os futuros desafios que por certo virão.

            Meu respeito e solidariedade a essa mulher, cuja forma de fazer política muitos estranham ainda, mas dá uma esperança danada na gente, porque é CORRETA!

            Que não prevaleça o ódio, o peleguismo e nem a omissão. As diferenças e o respeito são forças visíveis que nos movimentam.

            Quem ainda não se deu conta dessa realidade precisa se reinventar. E quem não é capaz de respeitar essa dinâmica, reencontre-se com o espelho e cresça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.