oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Camara


21 de janeiro de 2020

“É DANDO QUE SE RECEBE”!

Transmita ao mundo aquilo que gostaria de receber dele!

Adoramos dar conselhos aos amigos e parentes sobre os mais diversos assuntos. Na minha área nem se fala. É certíssimo aquele célebre adágio que diz: “De médico e louco todo mundo tem um pouco”. É muito comum nos meus meios de comunicação, ouvintes, leitores e telespectadores, dizerem que tomam remédios indicados por vizinhos e amigos. Será então, errado pedir e dar conselhos? É evidente que não! Muito pelo contrário, pedir e dar conselhos é coisa natural, até benéfica. O problema é saber a quem pedir e quem ouvir o conselho. Aconselhar, que foi durante séculos uma função meramente ocasional, de pessoas mais velhas, de chefes de grupos, de líderes, etc., hoje é uma atividade específica, uma arte que se transformou numa verdadeira profissão. Podemos considerar vários tipos de conselheiros. Por exemplo, o conselheiro técnico para assuntos de futebol, para assuntos de ensino, para assuntos políticos, na área de comunicação, etc. É evidente que tais conselheiros devem ser portadores de um gabarito respeitável, de experiência e conhecimentos dentro de sua perspectiva área de atividade. Só assim, suas opiniões, suas sugestões, seus conselhos merecem crédito e respeito. Portanto, vamos vivendo nossa vida sabendo que estamos rodeados de conselheiros de última hora. Que digam as jovens mamães, com seus filhos recém-nascidos e recebendo a toda hora conselhos das visitas e dos parentes próximos, orientando como deve ela agir, das formas as mais engraçadas possíveis. A vida é um eterno dar e receber, plantar e colher. Procure semear otimismo, meu caro leitor e boa vontade, aconselhando e orientando dentro do possível as pessoas aflitas e angustiadas. Faça o melhor que puder por você e por todos. Semeie otimismo. Sua vida está em suas mãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.