Câmara Itabuna


Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Aniversário de Ilhéus, câmara

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

Prefeitura Ilhéus


31 de maio de 2013

MORTE E SUICÍDIO EM CLÍNICA DE PSICANÁLISE

Um homem matou a ex-namorada no fim da manhã desta sexta-feira (31), no município de Itabuna, no sul da Bahia. O crime ocorreu em uma clínica de psicanálise, onde a vítima trabalhava como recepcionista. O mototaxista Adriano José dos Santos, 28 anos, chegou ao local por volta de 11h e efetuou um disparo contra Adriana Souza Andrade, 20. Em seguida, ele se suicidou. "Foram ouvidas pessoas que estavam no momento dos disparos e, pelas provas periciais, disposição da arma e dos corpos, se trata de um homicídio seguido de suicídio", diz delegada Lisdeile Nobre, plantonista da Delegacia de Homicídios da cidade. A suspeita inicial da polícia é de que Adriano não queria aceitar o fim do relacionamento. “Havia um certo inconformismo por parte do rapaz. Há cerca de um mês ela vinha tentando se desligar dele", diz a delegada. Além de trabalhar como recepcionista, Adriana cursava Ciências Contábeis em uma faculdade de Itabuna.

25 comentários:

  1. Covarde esse cara, com certeza o capeta está lhe esperando de braços abertos.
    Wilson Monteiro

    ResponderExcluir
  2. OUÇO ALGUMAS PESSOAS DIZEREM QUE ISSO É RESULTADO DE AMOR NÃO CORRESPONDIDO.
    ISSO NÃO É AMOR, NÃO É CIÚME, NÃO É FRUSTRAÇÃO, ISSO É FALTA DE DEUS!!
    NIVALDO BATISTA DA SILVA

    ResponderExcluir
  3. OUÇO ALGUMAS PESSOAS DIZEREM QUE ISSO É RESULTADO DE AMOR NÃO CORRESPONDIDO.
    ISSO NÃO É AMOR, NÃO É CIÚME, NÃO É FRUSTRAÇÃO, ISSO É FALTA DE DEUS!!
    NIVALDO BATISTA DA SILVA

    ResponderExcluir
  4. OUÇO ALGUMAS PESSOAS DIZEREM QUE ISSO É RESULTADO DE AMOR NÃO CORRESPONDIDO.
    ISSO NÃO É AMOR, NÃO É CIÚME, NÃO É FRUSTRAÇÃO, ISSO É FALTA DE DEUS!!
    NIVALDO BATISTA DA SILVA

    ResponderExcluir
  5. Lamentavelmente esta historia se torna dolorosa para as famílias dos dois, final trágico...
    Rildo

    ResponderExcluir
  6. Antonio Bispo de Freitas01 junho, 2013

    Ainda bem que o julgamento desse foi instantâneo, foi direto abraçar o capeta.

    ResponderExcluir
  7. O fato é a covardia de matar e a coragem de se matar sem avaliar que ira deixar parentes e amigos sofrendo... com tanta mulher sobrando, esta deveria ser bastante valiosa e especial, para um cara fazer uma barbaridade desta, que Deus ampare todos que sofrem com este ato louco do Adriano.
    Joselito Guimarães

    ResponderExcluir
  8. Em Itabuna tá na moda matar a ex e suicidar. O corno não aceita o fato de que a mulher não é obrigada a carregar mala sem alça, vai lá e tira a vida dela. Vai ver que ela o largou pq ele não dava o devido valor a ela e quem sabe não a agredia.
    Maria Helena Fontes dos Santos

    ResponderExcluir
  9. Guilherme Bastos de Jesus01 junho, 2013

    Quando não temos argumentos, ou mesmo o que falar (no caso escrever), devemos nos recolher a nossa infeliz insignificância, Sr. Wilson Monteiro.

    ResponderExcluir
  10. É realmente muito triste! Itabuna realmente está se revelando a capital do crime dessa natureza. Matar a companheira e suicidar-se em seguida! Só Deus pode mudar essa situação. Vamos orar!
    Orlando Teixeira de Melo

    ResponderExcluir
  11. Situações semelhantes a esta acontecem por falta do Amor de Deus no coração do ser humano: A minha oração neste instante é que esta criatura vítima da insanidade de uma maluco, seja guardada sob a sombra do Onipotente. Meu DEUS, isso é fim dos tempos, é a volta de JESUS que se aproxima.
    Andreia Cordeiro de Albuquerque

    ResponderExcluir
  12. Mais dois que foram para o fogo do inferno...
    Esse mundo tá uma maravilha, quantas notícias boas, o capeta tá adorando.
    A liberdade feminina serve para isso também....
    Reinaldo Lopes da Silva

    ResponderExcluir
  13. O IRMÃO DELE DEVERÁS E APODERAR DA MOTO E DE TODOS OS BENS DEIXADO PELO SUICIDA... ANOTE AÍ SE VAI OU NÃO SER ASSIM.
    É O QUE SE COMENTA NO BAIRRO SÃO PEDRO.
    LUCAS

    ResponderExcluir
  14. O caso, é que homens passionais existem aos montes, tem mulheres que aguentam, com medo de terminar e serem assassinadas.
    As pessoas deviam ter capacidade de amar primeiramente a si próprias.
    Luciana Costa Bastos

    ResponderExcluir
  15. Triste, muito triste esta notícia.
    Antonio Andrade

    ResponderExcluir
  16. Triste, muito triste esta notícia.
    Antonio Andrade

    ResponderExcluir
  17. O ser humano está muito carente, tem que ter alguém, nem que seja para fingir que está bem. Vamos nos amar, respeitar, ficar feliz se não estiver com alguém. A vida é única. Há muitos casos de pessoas que ñ aceitam o fim e faz uma loucura desta e nesse caso a família é quem vai pagar.
    João Pedro Soares

    ResponderExcluir
  18. Djalma Teixeira01 junho, 2013

    E ainda há quem defenda a existência de fábricas privadas de armas de fogo. Armas de fogo deveriam ser fabricadas apenas pelo Estado, para uso de polícias e forças armadas. Adquiridas por cidadãos comuns, elas ou permanecem guardadas em armários para sempre ou são objetos de tragédias como esta.

    ResponderExcluir
  19. Paulo do Pontalzinho01 junho, 2013

    Quanta bobagens dita por pessoas que se dizem civilizadas.... comentários como os da maioria aqui não deveriam nem ser editados.... Prefiro crer que essas pessoas só querem aparecer. Nenhum ser humano pode ser tão ignorante assim... Se realmente forem, que Deus tenha piedade delas...

    ResponderExcluir
  20. Tem muitos homens que não aceitam o término e cometem essa loucura.
    Pensam que a mulher é sua propriedade.
    Acho que este foi o caso desse indivíduo fraco, maluco e covarde.
    Kleber Dias de Carvalho
    Taxista

    ResponderExcluir
  21. Uma queria liberdade, o outro queria domínio sobre ela... Moral da estória: deu conflito!

    ResponderExcluir
  22. Agora não adianta mais dar conselhos a estes, porém que sirva de alerta a muitos casos iguais, olha que não são poucos, porque tem muitas destas mulheres que são alertadas e elas dizem: "MATA NÃO", ele me ama, já vi inúmeros casos.
    Sandro Barros de Lima

    ResponderExcluir
  23. Mais um caso lamentável!

    ResponderExcluir
  24. Ninguém tem o direito de tirar a vida de outrem. Esses caras que se acham o tal. Mulher é prá se cuidar e não prá agredi-lás.
    Danilo Rebouças

    ResponderExcluir
  25. Isto é consequência de falta de amor ao próximo, a Deus e a si mesmo.
    Não foi o primeiro e nem será, infelizmente, o último a morrer como imbecil covarde.
    Fleitas

    ResponderExcluir

Comente no blog do Val Cabral.