oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

30 de março de 2013

APERTEM O CINTO, O TRÂNSITO ESTÁ LOUCO E CLODOVIL AINDA NÃO FOI EXONERADO



Fala-se mal do trânsito do Rio de Janeiro, Salvador e de São Paulo, mas estamos chegando lá em termos de maluquice. Aqui ninguém respeita lei, nem o pedestre, nem o motoqueiro, nem o motorista de qualquer tipo de transporte de quatro rodas. Logicamente, há exceções, que são poucas. Aquelas pessoas generosas, educadas e gentis são contabilizadas nos dedos. Em geral, vive-se uma loucura nas ruas e calçadas. Eu ia dizer que se vive na selva, mas até a selva tem mais ordem e organização. Vamos ser bem sinceros: as calçadas estão péssimas, desniveladas e esburacadas, a Prefeitura não cobra, não multa, logo todos fazem o que querem, ou simplesmente, não fazem nada. Em consequência, moradores da cidade caem e se machucam, principalmente, idosos. E aí alguns dizem e eu com isso? Em país de primeiro mundo, o dono da casa é responsável pela sua calçada, qualquer queda, o cidadão machucado entra na justiça e ganha indenização. O Brasil melhora sua economia, mas o respeito ao cidadão ainda está a nos luz da civilidade. Agora o pedestre: atravessa fora da faixa, ziguezagueando e correndo o risco de ser atropelado e morrer. Esse, em geral, é um coitado, pois nenhum motorista respeita. E se morrer, e eu com isso? O motoqueiro: ai, meu Deus, nos proteja... não respeita regra, lei, nada mesmo. Faz o que quer, corre, anda sem capacete, leva na sua moto todo o tipo de objetos, de escadas a cachorros... circula pela direita e esquerda, raramente atrás de carros de forma civilizada, entra pela contramão, anda em cima de calçada, não existe mais sinal de trânsito para eles. Eles atropelam e são atropelados, lotam os hospitais, mas e eu com isso? Finalmente, o motorista de carro. Este se acha mais poderoso dependendo do tamanho do automóvel. Não respeita leis, a faixa de pedestre, os sinais, não dá sinaleira, ou seja, faz o que quer, para no meio da rua ao seu bel prazer, anda na contramão e muito mais, mas eu com isso? Em suma, que cidade é essa? Para ser bela, tem que ser civilizada, organizada e ordeira, além de limpa, amada e paparicada. Ai, que saudades daquele tempo em que as pessoas pelo menos temiam não respeitar as leis. A Secretaria de Trânsito em Itabuna não impõe respeito, seus dirigentes não entendem nada de trânsito e o cidadão nem sabe onde eles se encontram. É sinal de que mudar de dirigentes somente não resolve. Onde estão as campanhas de educação e conscientização, Vane, Clodovil…?

2 comentários:

  1. Realmente, o trânsito da nossa cidade é tudo isso que foi postado nesse artigo, não sei para que serve a secretaria de trânsito se não for para organiza-lo. A cidade está toda desorganizada, o prefeito eleito parece que pouco se preocupa com ela, está mais preocupado com suas obrigações religiosas do que com a gestão da cidade, pois para isso foi eleito.
    Prefeito, para o sr. testemunhar que realmente é um servo de Deus, precisa honrar suas promessas de campanha, ser solidário com aqueles que lhe ajudaram a se eleger, elaborar projetos que visem o bem estar dos cidadãos de forma ampla, pois para isso o sr foi eleito e recebe seu salário todo mês.Será que estou lhe pedindo muito ou faltando com o respeito à sua pessoa? Tenho certeza que não. Pense nisso, e não veja como uma ofensa, só estou reinvidicando os meus direitoa como cidadã.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. esse cara é feio fiu

    ResponderExcluir

Comente no blog do Val Cabral.