oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

28 de dezembro de 2009

PREFEITO TENTOU MANIPULAR A CÂMARA PARA APROVAR PREJETO DO ARROCHO

Uma sessão convocada açodadamente pelo prefeito Capitão Azevedo, com conivência do presidente da Câmara de Vereadores Clóvis Loiola, tentou aprovar o projeto do novo Código Tributário Municipal, que aumentaria o valor do IPTU em 50% e a Contribuição de Iluminação Pública (CIP) em 100%. A oposição reagiu à tentativa do prefeito de aprovar o projeto sem di scussão alguma com a sociedade, entidades e a própria Câmara. A pressão de populares no plenário da Câmara acirrou os ânimos e o protesto passou para a antessala da presidência, onde os vereadores governistas estavam reunidos. Sem disposição para enfrentar os protestos, eles recuaram da decisão e a sessão acabou sendo suspensa.

6 comentários:

  1. Até quando, nós itabunenses seremos lesados e feitos de idiotas?

    ResponderExcluir
  2. OS POLÍTICOS SÃO COMO AS FRALDAS:
    DEVEM SER TROCADOS CONSTANTEMENTE E
    SEMPRE PELO MESMO MOTIVO. A NÃO SER QUE VOCÊ SE SINTA CONFORTÁVEL COM A MERDA.

    ResponderExcluir
  3. Roubar todo político rouba, mais sempre está nas nossas mãos escolher o melhor!!

    ResponderExcluir
  4. Acho que depende de nós parar com esta corrupção. O que nos cabe a fazer? Passeatas em sinal de protesto.

    ResponderExcluir
  5. INFELIZMENTE A GRANDE MAIORIA DA POPULAÇÃO É CUTURALMENTE ANALFABETA, MAS A DE ITABUNA SUPERA TODOS OS IDICES. SERÁ QUE ESTE POVO NÃO ENXERGA Q OS MILTONS "GRANACHO" E "SATANÁS", DINDIN DO INPS, RUIM PORQUINHO, SÓ "TRABALHAM" POR INTERE$$E$ PESSOAIS, ELES JÁ PROVARAM QUE NÃO ESTÃO NEM AÍ PARA POPULAÇÃO. É POR ISSO E OUTRAS MAIS Q A NOSSA CIDADE CONTINUA NESTE ATRASO EM QUE VIVEMOS.

    ResponderExcluir
  6. Se tivéssemos representantes dignos, as promessas de honestidade e trabalho pelo povo, que eles fizeram em campanha estariam sendo executadas. E se houvesse aqui imprensa de verdade, estariam cobrando deles a execução dessas promessas. E se tivéssemos um povo mais decente e menos burro e subserviente, o país seria melhor e haveria menos corrupção.
    Jorge Saldanha de Lemos Filho

    ResponderExcluir

Comente no blog do Val Cabral.