oi

oi

Prefeitura Ilhéus

Camara


22 de janeiro de 2019

NÃO É CONDUTA ÉTICA SER PETISTA HOJE

Ainda há quem acredita que o PT não seja uma Máfia!
O petismo hoje, em um país democrático ainda que imperfeitamente, como o Brasil, é uma patologia. Quem o defende é portador de um desvio, uma neurose. Os petistas são tão alienados, que sequer admitem como verdade a farta documentação e delações de ícones da história do PT, sobre a quadrilha de gatunos em que se transformou o partido: impregnados pela hipnotização ideológica do partido, preferiam suas crenças aos fatos: o PT no poder se fez organização criminosa. Passei a ver os petista com menos indulgência: só um fanatismo político poderia explicar sua fuga da realidade. O PT não conseguiu esconder suas mazelas e contradições ideológicas. Com o passar do tempo as coisas se tornaram mais claras. A internet tornava difícil a guarda de segredos e todos passaram a ter notícias dos roubos que as cúpulas petistas impunham aos pobres e trabalhadores brasileiros, enquanto, sem exceção, esses "esquedistas" viviam em um luxo maior que o dos “malditos direitistas”. Lula nunca foi um esquerdista no sentido mais amplo da palavra. Por tudo o que se viu, o ex-presidente não cultiva (e talvez nem conheça com um mínimo de profundidade) qualquer crença política. Cultiva, sim, um desejo desinibido de poder, que se revelou em dois extremos: um, o das concessões exageradas ao pior capitalismo, aquele que despreza a concorrência e a competência, quer favores do Estado e se acumplicia na corrupção; outro o aqui, sim, das “esquerdas revolucionárias”, que receberam em seu governo carta branca para operar nas Relações Exteriores e na Justiça, com os resultados conhecidos: alinhamento da diplomacia brasileira a ditaduras, desvio de nossos recursos para essas ditaduras em volumes enormes, tentativa de amordaçar a imprensa, desarmamento da sociedade, implantação do “politicamente correto” que protegeu bandidos, desestimulou as polícias, financiou movimentos marginais como o MST, tentou desmoralizar as Forças Armadas e enfraquecer a coesão familiar através das políticas sociais e educacionais visivelmente marxistas. E diante destes fatos, ainda são muitos os brasileiros, que ousam defender essa quadrilha de ladrões em que se transformou o PT. Por isso minha plena convicção, que todo petista é na verdade, portador de um desvio, uma neurose e tão alienado, que chega a ser capaz de participar de lançamento de um livro mentiroso do corrupto Zé Dirceu, em Ilhéus, e aos gritos de “Dirceu guerreiro do povo brasileiro” e “Lula Livre”, revelar que não é somente jumento que relincha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.