Câmara Itabuna


Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Aniversário de Ilhéus, câmara

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

Prefeitura Ilhéus


27 de novembro de 2013

PM ACUSADO DE ASSALTO A BANCO MORRE EM TIROTEIO

Uma quadrilha acusada de assaltos a banco começou a ser desarticulada na tarde de terça-feira (26), em um sítio na zona rural de Castro Alves, que foi cercado pela polícia. O bando tem dez homens. Durante a fuga, houve troca de tiros com policiais e quatro suspeitos foram mortos, entre eles o policial militar Irineu Santos, 45 anos, locado na PM de Feira de Santana. Também morreram Antônio Gomes Santiago, 52 anos, e João Carlos de Oliveira Damasceno, 44 anos. Um quarto envolvido morto ainda não foi identificado. Os baleados foram encaminhados para um hospital em Castro Alves, mas morreram no local. Os corpos foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica de Santo Antônio de Jesus para autópsia. Nenhum policial foi ferido na ação. Outros seis suspeitos fugiram por um matagal. De acordo com o coordenador da 4ª Coorpin, Paulo Roberto Guimarães, após denúncias de que uma quadrilha estava escondida no sítio, um efetivo de duas equipes compostas por 12 policias da Coorpin de Santos Antônio de Jesus, três policias do Serviço Reservado da Policia Militar de Santos de Antônio de Jesus (CME). dois policias do grupamento da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e o delegado Adilson Freitas de Castro Alves se dirigiram para ação no local.  Além dos acusados, foram encontrados um mapa feito à mão com a localização da agência do Banco do Brasil de Castro Alves, da delegacia e saídas da cidade. Também foram apreendidas na ação duas espingardas, de calibres 12 e 20, uma pistola ponto 40, um revólver calibre 38, três carregadores, munições, capuzes, binóculos, além de uma pequena quantidade de maconha. Ainda no local, policiais encontraram uma picape Hilux, de cor preta, que pertencia ao policial Irineu Santos, morto no local. O veículo foi encaminhado para perícia. Policiais da 4ª Coorpin, o Grupo Avançado de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras (Garcif), de Feira de Santana continuam em diligência na procura dos fugitivos e na investigação o caso. O Grupo Especial de Roubo a Banco de Feira de Santana, investigava a ligação de Irineu com um roubo a banco, por este ter ligação com grupo de assaltantes  vindos de São Paulo e Minas Gerais. O líder desta quadrilha, Deassis Oliveira, foi preso há 5 meses em Castro Alves com quatro bananas de dinamites.

6 comentários:

  1. Esse safado já teria que ter sido fuzilado há muito tempo... é menos um policial bandido na Bahia.
    Tavares

    ResponderExcluir
  2. Guilherme Bastos de Jesus28 novembro, 2013

    beleza, adorei... se todo policial fosse como esse, que matou o policial criminoso, não haveria tanta bandidagem de policiais aterrorizando a sociedade.

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente policiais acabam se transformando em bandidos e traficantes e se escondem em comunidades pobres e em favelas e fazem de escudo esta pobre gente, obvio que muitos inocentes pagam com a vida. E somente a parte boa da policia para acabar com os policiais que amedrontam, espancam, roubam, matam... inocentes.
    Daniel Lopes

    ResponderExcluir
  4. Polícia e bandido são todos da mesma laia, nenhum deles presta. Eu particularmente odeio mais a polícia, pois os caras são pagos com nosso dinheiro, pra nos proteger, e em vez disso fazem abordagens violentas, agridem cidadãos de bem, trabalhadores e liberam os marginais de verdade. Resumindo, a polícia é um grupo de marginais autorizados pelo estado e pagos com nosso dinheiro, para praticar todo tipo de violência, sem fazer distinção de pessoas, ou seja, sem diferenciar quem é marginal e quem é cidadão.
    Juscelino Bastos

    ResponderExcluir
  5. Policial bandido bom, é policial bandido morto!
    Kleber Góes

    ResponderExcluir
  6. Djalma Teixeira28 novembro, 2013

    A polícia honesta, prende a justiça solta os piores criminosos da história.
    A parte podre da polícia se aliam aos criminosos por saberem que a justiça não é cumprida no Brasil.

    ResponderExcluir

Comente no blog do Val Cabral.