Câmara Itabuna


Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara Ilhéus Itinerante

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Câmara de Ilhéus - Acompanha sessões remotas

Saúde Ilhéus

Saúde Ilhéus

Prefeitura Ilhéus


30 de junho de 2011

A INTERNET NA DICOTOMIA ENTRE O BEM E O MAL

Cada época parece ter suas pragas específicas, embora as nuvens de insetos prometam se repetir para além das páginas bíblicas por obra e graça do pecaminoso desequilíbrio ecológico. Porém, sem ter sido antecipada por nenhuma profecia, a maldição dos hackers flagela impiedosamente, violando a cidadania virtual, seja no âmbito público ou privado. Como cumprindo alguma imprecação lançada das catacumbas do atraso o advento do mundo digital e especialmente o big bang do cyberespaço trouxe, praticamente desde o seu nascedouro, a contravenção (quando não a pura criminalidade) dos piratas cibernéticos, os hackers. E a pirataria digital já deu seus primeiros passos como gigantesca ousadia, introduzindo-se no que deveria ser o mais seguro dos sistemas da terra: a rede de órgãos de segurança dos Estados Unidos. CIA, Nasa, FBI, Casa Branca – tudo que deveria ser impenetrável foi vazado logo de cara. Não é surpreendente, portanto, que nos dias em curso sejam arrombadas porteiras digitais de sítios do governo federal brasileiro e do próprio Partido dos Trabalhadores. E o que dizer dos ladrões internéticos, dos “chupa-cabras” sorrateiramente montados nos caixas eletrônicos para sugar os dados dos cartões dos clientes? Não existe mundo sem perigo e o universo digital, até por ser obra do homem, não poderia estar livre da dicotomia entre o bem e o mal. O bom resultado deste conflito é o desenvolvimento permanente dos sistemas de segurança, que têm evoluído com rapidez, neutralizando boa parte das idéias criminosas inventadas pelos hackers, que estão sempre um passo adiante pela própria disposição de exercitarem a inteligência com o objetivo de surpreender a próxima vítima. Investir em segurança digital, em sistemas cada dia mais blindados é uma questão de segurança pública. A democracia, hoje, exige também a legalidade cibernética.

2 comentários:

  1. Os pais necessitam ficar masi atentos sobre o que seus filhos fazem, vêem, escrevem e falam diante do computador. O risco é muito grande.
    Joselito Brito

    ResponderExcluir
  2. A PEDOFILIA E O ADULTÉRIO ENCONTRAM ÁREA FÉRTIL NA INTERNET... MAS AS CRIANÇAS SÃO AS MAIORES VÍTIMAS... A POLÍCIA E AS FAMÍLIAS DEVEM FICAR MAIS ATENTAS. EDMILSON MONTEIRO

    ResponderExcluir

Comente no blog do Val Cabral.