11 de julho de 2017

NEM POSTO MÉDICO ESCAPA DOS BANDIDOS EM ITABUNA


Cuma: "Hoje me endeusam e logo me vão chamar de diabo"
Tem muita gente com graves complicações de saúde, que não procuram tratamento nos postos médicos de Itabuna, porque sabem que a maioria está sem médicos e sem medicamentos, mas o que não faltam nessas unidades médicas, são lâmpadas, notebook e diversos outros equipamentos hospitalares e aparelhos e materiais de escritório, sem segurança para evitar a ação de criminosos. Este fato tem estimulado os meliantes a procurarem os postos médicos. E não vão para serem medicados. O resultado disso tudo, é que duas unidades de saúde de Itabuna foram arrombadas neste último final de semana. A Unidade Básica de Saúde (UBS) José Édites, na rua Floresta, no bairro São Caetano e a Unidade de Saúde da Família (USF) Nilton Ramos, na Mangabinha. Já é a quarta vez só neste ano e a segunda neste mês, que a unidade suspende o atendimento à população, por causa da ação dos vândalos. Desta vez eles levaram, além de lâmpadas que foram repostas na semana passada, um aparelho de notebook usado pela equipe da administração. No arrombamento, ocorrido no início deste mês os ladrões levaram uma impressora e todas as lâmpadas do interior do prédio. Já na Mangabinha, os ladrões levaram um aparelho de tv e um liquidificador. E assim como da última vez, além de levarem aparelhos e equipamentos os ladrões também destruíram arquivos e ainda deixaram um rastro de bagunça nas salas. Em decorrência desses arrombamentos, o atendimento nas duas unidades está suspenso temporariamente. Este fato faz o povo ser prejudicado duplamente: roubado no que lhe pertence e penalizado por não contar com o atendimento médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.