8 de junho de 2017

MENINOS NAS RUAS ESCANCARAM NOSSA DECADÊNCIA HUMANA

Crianças não votam e talvez isto as façam ser preteridas por Sandra Neilma
Quem anda pelas ruas de Itabuna observa, até com certa facilidade, que há crianças trabalhando em muitos lugares. E um dos pontos em que fica mais evidente essa prática é justamente nos semáforos e cruzamentos do centro da cidade, onde meninos e meninas de pouquíssima idade vendem doces e pedem esmolas. A maior parte faz isso certamente com a intenção de ajudar no sustento de casa. No entanto, em vez de estarem trabalhando e pedindo esmolas, essas crianças deveriam estar na sala de aula, já que esse trabalho precoce e ilegal não garantirá um futuro promissor. Pelo contrário, atrapalhará no desenvolvimento escolar desses meninos e meninas. Embora não existam estatísticas oficiais, a dimensão do problema, pode ser constatada nas corriqueiras atividades de crianças e adolescentes vítimas de trabalho infantil pelas ruas do maior município do sul da Bahia. Não há dúvida de que a absoluta maioria das crianças que trabalham e pedem esmolas, abandonam a sala de aula ou apresentam defasagem escolar. São números preocupantes e que obrigam cada cidadão a ajudar a combater essa prática extremamente prejudicial aos que são classificados como “o futuro do país”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.