3 de maio de 2017

SERÁ QUE CUMA ACHA PEDIR DEMAIS, ILUMINAR AS RUAS?

Obscuridade da gestão de Cuma, como causa da escuridão
Solucionados parte dos problemas de crateras e buracos que estavam se multiplicando pelas vias, quem transita pelos bairros de periferia de Itabuna com destino ao centro da cidade, no período noturno, está enfrentando um outro empecilho bastante perigoso: a escuridão. Com muitos postes de iluminação sem funcionar em extensas avenidas como Félix Mendonça (Conceição), Bionor Rebouças (Montes Cristo), Cajueiro (Ferradas), Itajuípe (Santo Antonio) Roberto Santos (Zizo) e muitas outras, o que existe é um verdadeiro breu, que tem dificultado a visão e colocado em risco a vida dos motoristas. As reclamações da população a respeito disso já existem há algum tempo. Inclusive, também não é a primeira que é feito esse alerta aqui neste espaço. No entanto, até agora as autoridades competentes não se manifestaram ou deram qualquer posicionamento dando garantias de que irão resolver o problema da escuridão nas grandes avenidas de vários bairros de Itabuna. Pelo visto, providências só serão tomadas quando ocorrer algum acidente ou tragédia em virtude da falta de visibilidade nas vias públicas. Nunca é demais lembrar que os contribuintes itabunenses pagam altíssimos impostos e deveriam dispor, no mínimo, de serviços de iluminação pública decentes. É pedir demais?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.