7 de maio de 2017

FIGURINISTA NEGA QUE ERA AMANTE DE JOSÉ MAYER


Ter sido, ou não amante, é irrelevante para o crime
A figurinista Su Tonani, 28, que revelou ter sofrido assédio sexual de José Mayer, 67, decidiu se manifestar na sexta-feira (5) sobre o caso. Ela publicou o texto "Me deixem deixar de ser vítima: me deixem voltar a ser eu" no blog '#AgoraÉQueSãoElas' do jornal 'Folha de S.Paulo', onde ela havia feito a denúncia de assédio há um mês. "Não, eu não fui amante de José Mayer. Declaro que não fiz acordo com nenhuma parte envolvida e muito menos recebi algum dinheiro", afirmou Su no post. Em coluna do dia 28 de abril publicada no jornal 'O Dia', o colunista Leo Dias acusou a figurinista de não ter processado crimi nalmente o ator porque os dois haviam mantido 'um caso extraconjugal'. No post no blog, Su rebateu a publicação do colunista e explicou o motivo por não ter levado adiante um processo criminal contra o ator. "Sinto que a minha história teve começo, meio e fim. Terminou na terça à noite, 04 de abril de 2017, com um pedido de desculpa da Rede Globo e uma carta de confissão do José Mayer, ambos lidos no Jornal Nacional. Senti que tive a justiça que desejava. Pouco creio que a punição criminal para o meu caso tenha alcance maior que já tivemos. Mais potência. Seja mais transformadora", escreveu a figurinista. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.