11 de abril de 2017

NEM PETISTAS QUEREM MAIS VOTAR NO PT

Geraldo cabeça de Pitu garante permanência do seu
Boneco de Ventríloquo no "comando" da sua mercadoria
Menos de um terço dos filiados do PT compareceram na eleição de direção do partido, que aconteceu no domingo/09, na Câmara de Vereadores de Itabuna. Dos 2.460 filiados ao partido, apenas 571 votaram e o presidente do Diretório do PT de Itabuna, Flávio Barreto, foi reeleito com menos de 15% dos petistas itabunenses, obtendo 369 votos em disputa contra o ceplaqueano Jackson Primo, que teve 167 votos. Estes números não são tão reveladores do quanto o PT está em decadência, quanto os 36 votos em branco e 16 nulos, ou seja, quase 10% dos filiados votantes, acabaram dizendo não a votar em petistas. Já o resultado na eleição para a estadual, o oposicionista Waldenor Pereira teve 322 votos, Everaldo Anunciação, 155; e Fernanda Silva, 39. Flávio reconhece o declínio eleitoral do PT, ao destacar que o partido perdeu dois terços das prefeituras no estado, mesmo com o governo estadual tendo boa aceitação, observou. E declinou de comentar o fato dos candidatos do PT, Geraldo Simões e do PC do B, Davidson Magalhães, não terem obtido nem um terço da votação, que elegeu o atual prefeito de Itabuna. Os últimos resultados eleitorais, tem enfraquecido o ex-deputado Geraldo Simões, que deverá amargar mais uma derrota em 2018. E esta perspectiva deverá fazê-lo avaliar uma provável candidatura a vereador em 2020. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.