5 de fevereiro de 2017

MULHERES PREFEREM TAMANHOS MAIORES PARA O SEXO CASUAL, DIZ ESTUDO

O prazer dela vai depender muito mais da cabeça dele!
Sabe aquela história de que tamanho não é documento? Então, a coisa não é bem assim. Ao menos no que diz respeito ao sexo casual, não. É que um estudo, realizado pelas Universidades da Califórnia e do Novo México com o intuito de revelar se o tamanho do pênis realmente é relevante, mostrou que, para o sexo casual, as mulheres preferem tamanhos maiores, tanto no quesito tamanho quanto na circunferência. A pesquisa foi realizada com 75 mulheres, entre 18 e 65 anos. Foram disponibilizados para elas 33 modelos de pênis feitos de plástico, usando a tecnologia das impressoras 3D e compatíveis com a realidade. Os modelos foram desenvolvidos na cor azul para minimizar qualquer relação entre tamanho do pênis, preferências físicas e cor de pele. Durante o teste, as participantes responderam a alguns questionamentos, cujo principal foi: “Imagine que você é solteira e está em um restaurante com algumas amigas. Lá, você conhece um homem bem atraente, que também é solteiro. Ele parece ser gentil, inteligente, engraçado e, além de tudo, tem um ótimo trabalho. Você está se sentindo completamente atraída. Ele diz que está na cidade para uma conferência, mas que pegará um voo de volta para casa amanhã à tarde. Se você pudesse passar apenas uma noite com ele, de que tamanho você gostaria que ele fosse?”. Quando dizia respeito às chamadas “one night stands”, ou simplesmente sexo casual, a média escolhida, levando em consideração um pênis ereto, foi de 16,3 cm de comprimento e 12,7 cm de circunferência, contra 16 cm de comprimento e 12,2 cm de circunferência quando se tratava de um relacionamento estável. Bem, vamos combinar que parece uma diferença não muito grande, não é mesmo? Mas há outros dados interessantes no levantamento. Por exemplo, 27% das mulheres afirmaram já terem terminado um relacionamento por uma incompatibilidade de tamanhos. Dessa parcela de participantes, 7% disseram que terminaram porque o pênis era muito grande, o que atrapalhava o prazer durante o sexo, enquanto 20% terminaram justamente pelo fato do pênis ser muito pequeno. Preferências à parte, acho que esta questão nos remete ao “nem tanto, nem tão pouco”. Até porque, um levantamento publicado em 2015, que analisou 15 mil pênis ao redor do mundo, apontou que a média mundial do pênis ereto é de 13,1 cm de comprimento e 11,7 cm de circunferência. Então, talvez, a mulherada por aí esteja exigindo demais. Eu, sinceramente, acredito que não é o tamanho, necessariamente, que fará a diferença, mas se o cara sabe mesmo ou não o que fazer com tudo o que ele tem. Conteúdo publicado orginalmente no site Feminino e Além; e Tribuna da Bahia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.