4 de fevereiro de 2017

EUA ESTÃO FECHADOS PARA SÍRIOS E REFUGIADOS

Refugiados sírios tem entradas suspensas nos EUA
Desde que os Estados Unidos decretaram a política anti-imigração, mais de 100 mil vistos foram cancelados no país. A informação é do jornal americano The Washington Post. "O número 100.000 tirou todo o ar dos meus pulmões", declarou Simon Sandoval-Moshenberg, advogado do Legal Aid Justice Center (LAJC), à publicação. A LAJC representa os dois irmãos iemenitas que chegaram no sábado (28) no aeroporto de Dulles, em Washington, e foram colocados de volta em um voo para a Etiópia. Assinado pelo presidente Donald Trump, o decreto proíbe a entrada de qualquer indivíduo de sete países de maioria muçulmana "com tendências de terrorismos – Síria, Iraque, Irã, Iêmen, Líbia, Somália e Sudão – por 90 dias. O documento suspende também a admissão de refugiados no país por 120 dias e, por período indeterminado, a entrada de cidadãos sírios. Em defesa, o advogado do governo, Erez Reuveni, não conseguiu especificar o número de pessoas com seus vistos válidos que foram deportadas para seus países, mas garantiu que os portadores de "green cards" foram autorizados a entrar nos EUA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.