4 de março de 2016

MURIÇOCA AVANÇA MAIS QUE DAVIDSON

Davidson ao lado do baiano Gabrielli, que deve
ser o próximo a ser conduzido à PF para se explicar
Se a muriçoca fosse lenta e inútil, como é o deputado biônico, Davidson Magalhães (PC do B),  a população de Itabuna não estaria amedrontada com doenças como dengue, chikungunya e zika virus. Mas se Davidson tive a mesma agilidade, firmeza e intrepidez da muriçoca, Itabuna seria uma cidade com melhores condições de combater a epidemia de doenças provocadas pelo Aedes Aegypti. Este fato requer que haja mais agilidade do congressista, na busca de recursos estaduais e federais, que resultem em condições mais propícias e rápidas, para a prefeitura atuar, sobretudo, no combate aos focos criadouros das muriçocas e apoio aos pacientes já infectados pelas enfermidades de um diminuto inseto, que se agiganta diante da inércia dos políticos e governantes. Enquanto Davidson bravata em Brasília em suposta defesa da Petrobras e propaga seus devaneios em redes sociais, a Gasene entra na rota da Operação Lava-Jato e as muriçocas avançam com suas picaduras na pele do sofrido e dolorido povo de Itabuna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.