27 de fevereiro de 2016

COMBATER A MURIÇOCA, É DEVER DE TODOS

Mutirões tem ajudado Itabuna evitar a pandemia de Aedes Aegypti
Tem sido preponderante a enorme força-tarefa que vem sendo realizada pelo poder público, com apoio da comunidade, para exterminar os focos do ‘Aedes aegypti’, transmissor de dengue, zika e chikungunya. Em Itabuna, em particular, a prefeitura vem desenvolvendo, diariamente, juntamente com o governo do Estado, ações que incluem a limpeza nos bairros com maior índice de infestação do temido mosquito, além de trabalhos de capacitação dos profissionais de saúde e de conscientização da população. E embora doenças como chikungunya e zika ainda sejam pouco conhecidas por alguns, todos os itabunenses já sabem de cor a melhor forma de combatê-las, que é, assim como na prevenção contra a dengue, não deixar o ‘aedes’ nascer. Outro ponto que já vem se falando exaustivamente, mas é sempre importante repetir, é que toda essa operação de guerra irá fracassar, caso algumas famílias não cooperem com a mobilização. É isso mesmo, basta que uma residência mantenha focos do mosquito para que várias pessoas fiquem suscetíveis a contrair qualquer uma das três doenças citadas anteriormente, enfermidades que podem inclusive causar mortes. E como mais de 70% dos criadouros do ‘Aedes aegypti’ estão dentro de quintais e das casas, essa responsabilidade precisa ser assumida por todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.