26 de maio de 2018

ITABUNA SOB AS GARRAS DE UMA RAPINA

Cuma com suas marretadas tem enganado e destruído Itabuna!
Os simpatizantes e eleitores do atual prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (Cuma), o endeusam sob argumento dele ser quem mais fez obras na cidade. E não há como negar que Cuma lidere esta competição. Mas contra ele concorre a este título? Há entre outros prefeitos, quem tenha governado tantos mandatos quanto ele? Não. Todos os demais tiveram apenas um mandato. Portanto, é covardia e desigual comparar resultados de gestões de Cuma contra mandatos únicos de capitão Azevedo, Vane do Renascer, José Oduque e Ubaldo Dantas. Outras cidades tiveram prefeitos com mais de um mandato. Então vamos comparar Cuma com Guilherme, que teve 3 mandatos em Vitória da Conquista; Luiz Caetano, duas vezes eleito prefeito em Camaçari e Moema Gramacho, que está em seu terceiro mandato executivo em Lauro de Freitas e cujos municípios eram muito menores que Itabuna, quando Cuma começou sua saga de predador dos cofres da prefeitura de uma cidade, que herdou em terceira posição entre as maiores da Bahia e atualmente amarga o sétimo lugar. Quando Itabuna era rica, Cuma era pobre. Ele ficou bilionários no transcurso dos seus cinco mandatos como prefeito. Hoje a prefeitura é pobre e o prefeito é rico. E o povo itabunense está muito mais pobre, que no tempo em que Cuma era apenas um simples vaqueiro. Neste contexto, mais pobre é o pobre de espírito, que teima em permanecer endeusando quem faz Itabuna regredir e se notabilizar como referência de governo truculento, lento e endemoniado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.