2 de julho de 2017

RUI USURPA PARCERIA COM A UNIÃO NA BARRAGEM DE ITAPÉ


Haja óleo de peroba para a cara lisa do governador
Quem vê, ouvi e lê a vigorosa propaganda do governo do Estado da Bahia, pensa que a construção da Barragem do Rio Colônia de Itapé, não possui nenhum centavo do Governo Federal. Mas a este é creditada maior parte dos investimentos neste empreendimento, que é considerado vital para o abastecimento de água em Itabuna, e que está sendo executado pela Embasa e Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs), por meio do Consórcio Rio Colônia, com recursos do Governo da Bahia e do Governo Federal, que é de R$ 80 milhões. O governo do Estado da Bahia investe apenas R$ 28 milhões, mas propaga que a barragem é um empreendimento do governo Rui Costa. Além da construção da barragem, está inclusa no projeto a construção de uma estrada no entorno, entre Itapé e Itaju do Colônia, e novas redes de energia elétrica. A barragem terá reservatório de 63 milhões de metros cúbicos, com uma área alagada de 1.322 hectares, altura de 21,4 metros e volume de 35 mil metros cúbicos de concreto, formando um espelho d’água de 25 quilômetros quadrados. Além de normalizar o abastecimento de água em Itabuna, a obra vai contribuir para a revitalização do Rio Cachoeira. O rio corta Itabuna e tem sua foz em Ilhéus. A barragem, de acordo com os técnicos, permitirá o controle da vazão em períodos de seca e de chuvas torrenciais. Voltando ao fato do engodo oficial sobre esta obra, é oportuno salientar que esta prática mesquinha de mentir para o povo, é característica da propaganda enganosa do governo de Rui Costa, que tenta mostrar para os baianos, uma Bahia que só existe na imprensa paga para ludibriar e escamotear o fato do fracasso administrativo que tem sido a gestão do PT no Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.