25 de junho de 2017

PROCESSADA DUPLA QUE TATUOU 'LADRÃO E VACILÃO' EM TESTA DE ADOLESCENTE

Ao tatuarem bandido, Maycon e Ronildo se tornaram bandidos
O Ministério Público de São Paulo denunciou os dois suspeitos de tatuar a testa de um adolescente de 17 anos com a frase "eu sou ladrão e vacilão" na cidade de São Bernando do Campo. O tatuador Maycon Wesley Carvalho dos Reis e o pedreiro Ronildo Moreira de Araújo foram denunciados por constrangimento ilegal, lesão corporal e ameaça. No entanto, a promotora de Justiça Giovana Ortolano Guerreiro Garcia não considerou o crime de tortura. Maycon e Ronildo alegam que o adolescente que teve a testa tatuada tentou furtar a bicicleta de um deficiente físico e por isso queriam dar uma "punição" a ele. A vítima argumenta que apenas esbarrou no veículo. Os dois suspeitos foram presos no último dia 12.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.