28 de maio de 2017

VEJA QUEM PODER SER PRESIDENTE DA REPÚBLICA, SE TEMER CAIR


Teorias da sucessão omitem generais sucedendo Temer
Quem pode ser o novo Presidente da República caso haja a vacância do cargo com a cassação da chapa no TSE no próximo dia 6. O nome mais forte é, sem dúvida o do Presidente do Congresso, Rodrigo Maia.  Maia teria inclusive convidado o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), para ser seu vice. O problema é que ambos são investigados pela Operação Lava Jato. Outros dois nomes, pré-candidatos, também são citados: Nelson Jobim e Gilmar Mendes. Jobim é do PMDB, considerado durão e capaz de enfrentar a Lava-Jato e a PGR. Foi ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, mas teve como sócio André Esteves, investigado da Lava-Jato e prestou consultorias a empreiteiras investigadas. Gilmar Mendes tem se mostrado contra a Operação Lava-Jato, é a favor das reformas, mas não está filiado a partido e PT e PSDB dificilmente aprovaria sua candidatura. Tasso Jereissati e Henrique Meirelles são candidatos que agradam o mercado financeiro e o empresariado. Jereissati é senador do PSDB, muito rico, e não investigado pela Lava-Jato. Tem trânsito nos partidos e no Congresso. É considerado a escolha ideal. Meirelles é um nome que daria confiança ao mercado, mas foi presidente do Conselho de Administração da holding da JBS, o que o descredencia. Sobram dois nomes: o Presidente Fernando Henrique e Carmen Lúcia que preside o STF. FHC do PSDB é o mais experiente e poderia ser uma candidatura de conciliação, mas sofreria forte oposição de partidos como o PT e setores do PMDB. Tem 85 anos e diz que não quer ser candidato. Carmen Lúcia é o nome que mais agradaria a população, pois não tem ligações políticas, mas nunca teve cargo no executivo e teria pouca articulação no Congresso. É uma outsider e não está filiada a partidos. (bahiaeconomica).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.