7 de maio de 2017

O BRASIL ESTÁ Á DERIVA E GUIADO POR CEGOS


A corrupção está nos fazendo ter vergonha de ser brasileiro
A atual crise nacional possui múltiplas faces, política, econômica, social, institucional. Mas em todos esses aspectos encontra-se presente um elemento importante: a ausência de perspectivas em relação ao quadro em que nos encontramos. A gravidade do cenário brasileiro combina elementos conjunturais e outros de natureza estrutural, indicando que um determinado ciclo está chegando ao fim, ou já se esgotou completamente.  Qualquer tentativa de saída desse imbróglio e que não tenha como pressuposto a centralidade dos interesses nacionais, ou está fadada ao fracasso ou, então, é o aprofundamento da política de subalternidade econômica, diplomática, geopolítica que nos foi imposta. O presidente Temer, nunca foi em momento algum protagonista de coisa alguma, trata-se de figura menor, bizarra e tão prejudicial ao povo brasileiros, quanto Collor, Itamar, FHC, Dilma e Lula. Todos estes indivíduos são diretamente, responsáveis por esse contexto de retrocessos democráticos, econômicos e sociais, que se agravam em meio ao aprofundamento de uma crise financeira internacional e no País provocando a recessão e o desemprego em níveis já escancarados. É vital a constituição, através da política, de ampla frente democrática, patriótica de reconstrução nacional. É de Albert Einstein a opinião: nenhum problema pode ser resolvido pelo mesmo estado de consciência que o criou. Para encontrar novas respostas é necessário aprender a ver o mundo de uma maneira nova. Assim é fundamental encontrar outro rumo para o País.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.