2 de maio de 2017

62 ANOS DE UMA SAGA DE TERROR

Hitler protagonizou e personalizou o próprio satanás na terra
No último domingo foram comemorados os 62 anos do fim da última guerra mundial, que deixou para o mundo uma terrível recordação! 55 milhões de pessoas foram mortas nessa luta sanguinária que envolveu todos os povos deste planeta. Com a derrota da Alemanha na Grande Guerra, o país encontrava-se numa séria crise econômica, isso, aliás, acontecia em toda Europa. Com a vitória da Revolução Russa, o comunismo ameaçava todo o continente. Hitler perseguiu brutalmente não só os judeus, mas os comunistas, os gays, os negros, os eslavos, e todos aqueles que não eram de seu agrado. Incutiu no povo suas ideias nacionalistas e expansionistas. Paranoico e prepotente, aspirava dominar o mundo. O astuto ditador, investira na indústria de armamentos durante todo os anos de seu governo, começou a atacar em rápidas campanhas militares, invadindo países. O Reino Unido uniu-se à França e declararam guerra à Alemanha. A Rússia negou-se a se juntar a eles. Subestimando o poder da Alemanha, seus contendores permaneciam na defensiva. Sabendo que sua situação era mais vantajosa que a de seus adversários, em 1940, Hitler invadiu a França, depois de desrespeitar a neutralidade da Holanda, Bélgica, Luxemburgo, Dinamarca e Noruega. O Japão, que também alimentava seus intentos expansionistas e se unira à Alemanha, atacou os Estados Unidos, que entraram na guerra. A Itália fez um pacto com o Fürer. Formou-se o Eixo entre os países que colaboravam com o Ditador Nazista. Hitler tomou Belgrado e a Iugoslávia que resistia. A Alemanha se preparou, intensamente, para a invasão da Rússia e partiu para conquista-la em 1941. Fortemente armados, com um contingente de 12 milhões de homens, os soviéticos, com a ajuda de um inverno de 30º negativos, conseguiram expulsar os alemãs de seus territórios. A Inglaterra foi impiedosamente bombardeada pelos artefatos alemães. Os Aliados prepararam-se e invadiram o continente através da Italia. Foram libertando a Europa. A Alemanha é invadida e destruída. O Brasil entra na guerra e toma Monte Castelo. Os russos rumam a Berlim, que acabam por dominar. Já quase sem combatentes, Hitler convoca meninos de 12 a 14 anos. Vendo-se perdido, suicidou-se no bunker onde estava vivendo. A guerra matou 55 milhões de pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.