18 de abril de 2017

MORO OBRIGA LULA A COMPARECER EM OITIVA DE 87 TESTEMUNHAS

Lula sabe que Moro não tem pressa de prendê-lo, porque quer ele preso por muito tempo
A defesa Lula arrolou 87 testemunhas para depor em duas ações contra o ex-presidente na operação Lava-Jato, sob a responsabilidade do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, no Paraná. Moro, apesar de considerar desnecessária a oitiva de tanta gente, garantiu a oitiva das testemunhas para não ser acusado de cercear a defesa de Lula, mas determinou que o ex-presidente esteja presente em todos os depoimentos. “Fica consignado que será exigida a presença do acusado Luiz Inácio Lula da Silva nas audiências nas quais serão ouvidas as testemunhas arroladas por sua própria Defesa, a fim prevenir a insistência na oitiva de testemunhas irrelevantes, impertinentes ou que poderiam ser substituídas, sem prejuízo, por prova emprestadas”, escreveu o juiz. De acordo com a coluna Radar On-line, entre as testemunhas estão dois senadores, dois deputados federais, o ministro da Fazenda e um ministro do Tribunal de Contas da União (TCU). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.