30 de março de 2017

CÂMARA APROVA COMENDA PARA PROFISSIONAIS DA IMPRENSA DE ITABUNA

Adervan no infinito das boas recordações e justas homenagens
Por meio de resolução, os vereadores de Itabuna aprovaram nesta quarta-feira, 29, a criação da Comenda José Adervan de Oliveira. A honraria, proposta por vereador Júnior Brandão (PT), em coautoria com Babá Cearense e Júnior do Trator (PHS, ambos), será concedida a personalidades, entidades e profissionais de imprensa que se destacarem na comunicação social itabunense. Anualmente, cada vereador poderá indicar 01 nome que para receber a homenagem. Depois disso, a indicação terá que passar pelo crivo de 2/3 da Câmara (14 votos), em votação secreta. A Comenda José Adervan de Oliveira contempla 11 categorias indo de repórteres de rádio, TV, fotográfico, cinematográfico, mídia imprensa até jornalismo na Internet, incluindo blogs. O diploma será entregue em sessão solene em 10 de Setembro. Originariamente seria em 1º de Junho, Dia Nacional da Imprensa. Essa mudança partiu do relator da matéria, Beto Dourado (PSDB). O tucano alegou o acúmulo de comendas legislativas no primeiro semestre com a Otaciana Pinto (em março) e as de Cidadania e Honra ao Mérito (em julho). Semana passada, noutra proposta dos mesmos parlamentares, a Câmara incluiu o Dia da Imprensa (01/06) no seu Regimento Interno. “Com essa comemoração e a Comenda buscamos reconhecer o trabalho dos profissionais da comunicação em Itabuna que disseminam as informações cruciais para a formação crítica do nosso povo”, ressaltou o petista Júnior Brandão. As duas resoluções entrarão em vigor assim que promulgadas pelo presidente Francisco Reis (PSDB) através da publicação no Diário Oficial do Legislativo. JOSÉ ADERVAN DE OLIVEIRA - O jornalista José Adervan de Oliveira (1942 – 2017), natural de Boquim/SE, atuou por quase 40 anos na imprensa de Itabuna, especialmente com o jornal Agora, fundado por Adervan em 1981 e em circulação até hoje. Além de trabalhar na mídia impressa e de rádio, Adervan teve passagem pela política ao presidir o PSDB e também candidatar-se a prefeito e vereador. Ele morreu em fevereiro deixando seis netos, três filhas e a viúva, dona Ivone Oliveira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.