1 de fevereiro de 2017

RONALDÃO É EXEMPLO DE ABNEGAÇÃO

Ronaldão contribui para que não imaginemos, que todos os
políticos só agem para se locupletarem dos cargos públicos
O Brasil está sufocado na crise financeira e as perspectivas seguem ruins para todo este ano. E mesmo com esse cenário desolador, pouquíssimos são os parlamentares, das diferentes esferas, capazes de abrir mão de suas intermináveis regalias e benefícios para reduzir os custos do Poder Legislativo que, obviamente, são bancados pelos impostos e tributos pagos pela classe trabalhadora. Porém, há sim exceções entre esses legisladores. Um belo exemplo está sendo dado pelo jovem vereador reeleito em Itabuna, Geraldo Ronaldo, o “Ronaldão”. Ele abriu mão, ao longo dos quatro anos de seu primeiro mandato, de mais de R$ 300 mil. O parlamentar renunciou ao seu próprio subsídio de parlamentar, o convergindo para aquisições de alimentos e produtos de higiene e saúde, para doações para as entidades filantrópicas de Itabuna. Se um vereador consegue dispensar seus próprios salários para ajudar entidades moribundas, que tanto amparam crianças e idosos carentes, um deputado federal ou senador da República poderia certamente contribuir com milhões de reais á sobrevida de asilos, orfanatos, albergues, creches e associações comunitárias, se também tivesse uma atitude semelhante. Fica então o apelo para que mais “representantes do povo” ajudem a acabar com esse abuso vergonhoso do dinheiro público.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.