21 de fevereiro de 2016

VEREADORES E PROMOTORES PARECEM OMISSOS DIANTE DOS FURTOS DE BENS PÚBLICOS EM ITABUNA

Todo mundo estava presente, quando os equipamentos
chegaram, mas todos sumiram quando eles foram furtados
A democracia, entre outros, tem como principais pressupostos básicos, a honestidade com o que pertence ao interesse e patrimônio públicos e a transparência em tudo o que se refere aos governos. O cumprimento destas obrigações exige a atuação de outros poderes que ajam imparcialmente e tenham a função de fiscalizar e fazer cumprir a lei, isto é, que sejam totalmente autônomos e fortes o suficiente para aplicarem as sanções necessárias aos personagens políticos e governantes que, comprovadamente, cometeram erros e, também, nos que foram e continuam sendo coniventes com os que erraram, pois uma democracia onde medidas como essas não são tomadas compara-se a um dos piores regimes de exceção. Estes fatos me submetem à perplexidade diante da falta de informações sobre em que estágio está a investigação envolvendo o furto de três grandes, caros e necessários equipamentos de respiração artificial, das bem monitoradoras dependências do Hospital de Base Luiz Eduardo Magalhães, em Itabuna. Acredito que nosso Judiciário e Legislativo não estejam omissos, mas carentes de mais agilidade. Os vereadores e promotores parecem estar silenciosos, ou pouco interesse demonstram com propósito de Itabuna recuperar o que lhe foi usurpado. Por achar que possuímos um Judiciário e um Legislativo que não admitem que ninguém esteja acima do bem e do mal, que ninguém se considere acima da lei, que ninguém seja inatingível, que tenho absoluta certeza de que todos aqueles que merecem ser punidos serão, sem dúvida alguma, alvos do merecido castigo, seja ele qual for, porque se a lei não for devidamente aplicada por quem de direito e a quem merece, o sofrido povo itabunense perceberá a inércia dos poderes que têm por obrigação precípua a defesa e fiscalização do patrimônio público, se revoltará e sairá às ruas para exigir a justiça que lhe falta, com retorno dos aparelhos roubados e seus usurpadores presos e condenados. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.