23 de fevereiro de 2016

ALIADO DO PT DIZ QUE JOSIAS GOMES NÃO RESOLVE NADA

Josias e Zé Carlos Araújo não sentam à mesma mesa
O deputado federal baiano e presidente do Conselho de Ética na Câmara Federal, José Carlos Araújo (PSD), decidiu abrir o verbo contra PT e ao secretário de Relações Institucionais da Bahia, Josias Gomes (PT). Embora seja aliado aos governos estadual e federal, ambos do PT, o parlamentar afirma que o partido é "péssimo" para apoiar, se referindo ao cenário eleitoral desse ano em Salvador, onde o PCdoB, por exemplo, cobra apoio dos petistas para a candidatura da deputada Alice Portugal para prefeita da capital. Araújo disse que o caminho para o PT, que enfrenta dificuldade para encontrar uma candidatura própria, é abrir mão da majoritária. "O PT tem que entender, o Lula, por exemplo, concorreu em eleições quatro vezes. Só ganhou quando fez alianças fortes. Na Bahia, o Jaques Wagner também, todos eles, o Lula, Rui, sabem que é preciso ter alianças. O PT talvez não esteja vacinado ainda e acha que sozinho pode ganhar eleição. O PT sozinho não ganha mais. Ou faz alianças ou prestigia os seus aliados, prestigia aqueles partidos que fazem parte da aliança. O PT é muito bom para receber apoio. Péssimo para dar apoio. Muito ruim para dar apoio. Ele quer sempre que apóie ele. Apoiar o outro é difícil", bradou o congressista. Zé Carlos Araújo afirmou que "agora vai ser diferente" e revelou que o secretário Josias [Gomes], me dou muito bem com ele, mas ele não ouve as pessoas", alfinetou o deputado, que continuou: "Ele [Josias Gomes] ouve o PT, nós aliados não somos ouvidos. Tem muitas queixas. Eu não vou a Josias. Não o procuro. Não ouve ninguém, não resolve nada. Então, estou fora de conversar com Josias. Se tiver que conversar alguma coisa, converso com o governador". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.