24 de junho de 2017

VEREADOR INVESTIGADO APÓS ÁUDIO VAZAR: 'O POVO TRABALHA POR MIM'


Só um exame de insanidade mental explicará o que quer o edil
A Câmara de Vereadores da cidade de Capão do Leão, no Rio Grande do Sul, protocolou um pedido de investigação contra o vereador Ailton Miranda (PTB). Esta semana o parlamentar se envolveu em uma polêmica por conta de um áudio que vazou após ser enviado para amigos pelo celular. Na gravação, o vereador afirma que a população trabalha por ele. "Eu sou vereador, menina. Eu não sou dono de empresa. Eu sou vereador. O povo trabalha para mim. E tu tens que trabalhar para o povo. É diferente. A senhorita e o senhor esposo têm que trabalhar para o povo. Enquanto eu, aqui, o povo trabalha para mim, tá bom?", disse. Segundo informações do G1, o PTB decidiu afastar Miranda das atividades políticas do partido. Os vereadores ainda precisam votar pela abertura de um processo na comissão de ética da Casa para apurar o caso. O vereador admitiu que a declaração foi "infeliz" e alegou que o áudio não passou de uma brincadeira com os amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente no blog do Val Cabral.